Olá!

Gostava de partilhar convosco uma história recente que me aconteceu. Como sabem adooooro sapatos e tenho o privilégio de conseguir reunir uma grande coleção com uma enorme variedade de cores, estilos e materiais. Para sair à noite escolho, não raras vezes, sapatos de verniz pelo brilho com que me adornam os pés, sendo praticamente impossível que passem despercebidos onde quer que vá. No outro dia estava a jantar num desses restaurantes da moda (que não posso divulgar por motivos de publicidade gratuita) e reparei que um grupo de teenagers que estavam na mesa ao lado passaram a noite a olhar para mim e a cochichar entre elas.  Confesso que fiquei intrigada e desloquei completamente do tema da conversa da minha mesa para ficar vidrada nas miúdas e no que estariam a falar de mim. 

Já próximo do final da noite, e quando várias amigas minhas já estavam a pagar, tomei a decisão de não sair daquele restaurante sem saber qual o motivo de tanto interesse na minha pessoa. Aproveitei a oportunidade que duas delas se tinham acabado de levantar para ir à casa de banho e fui atrás delas. Já dentro do WC tomei coragem e avancei: “Peço desculpa pela pergunta, mas penso que vos conheço de algum lado, pois desde que entrei no restaurante e que vos vi que reconheço as vossas caras de algum lado e presumo que vocês também pois também se fartaram de olhar para mim.” Uma das raparigas mais arrojada e muito amável lá respondeu: “Não, eu não a conheço e julgo que as minhas amigas também não. A única razão do nosso interesse e comentários prende-se, simplesmente, com a curiosidade de saber de que marca são os seus sapatos. Confesso que são lindos e da forma como brilham é impossível passarem despercebidos a quem é, como eu, louca por sapatos.   

Lá lhes confessei que eram uns Prada e que os tinha conseguido comprar com um enorme desconto numa dessas lojas online. Tendo uma paixão comum, Sapatos, a conversa acabou por resvalar para esse mundo apaixonante e se prolongar pela noite dentro. É escusado dizer que se formou ali o princípio de uma nova amizade. Nessa noite aprendi com elas montes de coisas relacionadas com esse apaixonante tema e uma delas ensinou-me alguns truques simples de como conseguir preservar o brilho dos sapatos de verniz. 

Embora existam muitas maneiras de limpar sapatos de verniz com produtos e receitas naturais, explicaram-me a forma de limpeza clássica que quero partilhar convosco. Vamos lá!   

1. A primeira coisa a fazer é eliminar o pó ou qualquer resto de sujidade que o sapato tenha, antes de aplicar qualquer produto. No caso do verniz, bastará utilizar para o efeito um pano de algodão húmido.

2. Logo que tenhamos os sapatos livres do pó, podemos começar a limpeza propriamente dita, com água e sabão neutro.

3. Depois de retirar totalmente o sabão e de ter secado bem os sapatos, há que utilizar um produto de limpeza específico para verniz. Aplique-o esfregando pouco a pouco com um pano de algodão e sem deixar restos. Para dar um pouco de brilho extra, podemos esfregá-los suavemente com uma gotinha de limpa-vidros e um pano de algodão.

Sendo o verniz um material um pouco mais delicado do que outros, como a lona ou o veludo, também é importante o modo como os guardamos. Por isso, recomendo que os coloquem sempre dentro de sacos de plástico para evitar que se risquem no contacto com outros sapatos. Como podem ver, o verniz requer uns cuidados específicos para mantê-lo sempre com o brilho que o caracteriza.

Já experimentei tudo isto e funcionou em pleno. 

Espero que estas dicas também vos possam ser úteis. Beijinhos!!!!